Bem-vindo(a). Hoje é Guarantã do Norte - MT

Idosa de 64 anos é acusada de liderar esquema mundial de tráfico de drogas

Idosa de 64 anos é acusada de liderar esquema mundial de tráfico de drogas
Compartilhe!

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – Joanne Marian Segovia, 64, ficou conhecida como “vovó do crime” após ser acusada de comandar um esquema internacional de tráfico de drogas. As informações são do New York Post.

Joanne, que trabalhava como diretora executiva da Associação de Policiais de San Jose, da Califórnia, nos Estados Unidos, é investigada por liderar um esquema criminoso para traficar drogas, entre elas o fentanil.

Os investigadores apontam que Joanne mantinha uma vida dupla. Ela teria iniciado a vida no crime em 2015 ao receber em sua casa pelo menos 61 carregamentos de drogas vindas de Hong Kong, Índia, Hungria e Cingapura. Posteriormente, a idosa repassava as drogas dentro dos EUA.

A suspeita supostamente chegou a usar inclusive os computadores do seu local de trabalho para encomendar as pílulas de opioides e outras drogas, que chegavam em sua residência disfarçadas como “brindes para festa de casamento” ou “chocolates e doces”.

Parentes da idosa se disseram surpresos e desacreditados e afirmaram que a ‘vovó do crime’ não passava por dificuldades financeiras. O marido dela, Domingo, 79, não é investigado e também não sabia da vida dupla da esposa.Caso seja condenada, Joanne Marian Segovia pode pegar até 20 anos de prisão. Atualmente, ela está afastada de suas atribuições junto à polícia de San José.

Aos investigadores, a mulher negou as acusações.

Notícias ao Minuto Brasil – Mundo
Read More

LIVE OFFLINE
track image
Loading...