Bem-vindo(a). Hoje é Guarantã do Norte - MT

Jovem que vende artesanato para tratar câncer agradece ajuda de internautas

Jovem que vende artesanato para tratar câncer agradece ajuda de internautas
Compartilhe!

Em setembro do ano passado, contamos a história da Laura Vitória dos Santos, de 18 anos, e sobre como ela luta contra um câncer cerebral agressivo.

Laurinha é de Minas Gerais e vende vasos de flores pintados por ela mesma. A finalidade é pagar os custos de locomoção até São Paulo, onde ela conseguiu um tratamento mais eficiente e gratuito para o tumor.

Quase 1 ano depois, conversamos com a Laurinha para saber como está a vida dela e como a ajuda dos internatuas foi fundamental para ajudá-la.

Hoje ela comemora e agradece as doações que recebeu pela campanha no Só Vaquinha Boa, “Vocês não têm noção do que fizeram pra mim […] Esse dinheiro me ajudou demais”, conta a jovem. “Só tenho o que agradecer. Eu continuo o tratamento, estou indo em São Paulo. Também estou comprando os remédios necessários”, afirmou Laurinha.

Relembre essa história

O câncer de Laurinha é um Glioblastoma grau 4, o mais terrível e sem cura até o momento. No entanto, há tratamentos que podem prolongar bastante a vida dessa garota linda! E é por isso que a família luta desde o diagnóstico.

Desde o início, ela enfrentou o câncer, lutou e acreditou!

Hoje Laurinha faz sessões de quimioterapia e radioterapia. Além disso, mantém o acompanhamento com fisioterapeuta, psicóloga e neuropsicóloga pedagógica.

Os cuidados com alimentação também são grandes. Ela precisa consumir alguns alimentos alternativos e mantém uma dieta alcalina.

A família viu uma grande chance de recuperação há dois meses, quando Laurinha foi selecionada para um estudo da UNICAMP, utilizando a “imunoterapia”.

O tratamento alternativo busca eliminar definitivamente tumores e evitar que novos diagnósticos aconteçam.

Vaquinha

Com todos esses desafios, as dificuldades financeiras da família aumentaram. Para ajudar nas despesas, Laurinha passou a pintar vasos de planta e vendê-los no Instagram.

Quando conhecemos a história dela, lançamos a vaquinha e arrecadamos R$ 7.200, para que a Laurinha pudesse ter o tratamento garantido por alguns meses.

E deu certo!

A jovem também atualizou o quadro de saúde dela. Além do tratamento que faz em São Paulo uma vez por mês, Laurinha tem ido para Belo Horizonte – ela mora em Divinópolis – para sessões de quimioterapia no Hospital MaterDei.

Ela também continua vendendo os vasinhos de flores e outros artesanatos. Os interessados podem entrar em contato pelo Instagram!

Conheça a Brenda

Assim como a Laurinha, a Brenda vem de uma família humilde que, infelizmente, não tem como pagar o tratamento dela, para paralisia cerebral e autismo.

Mesmo diante diversas limitações motoras e dificuldades de fala, muito esforçada, ela teve a ideia de montar na calçada do centro de São Bernardo dos Campos (SP), uma barraquinha com artesanatos feitos pela mãe, a dona de casa Andreia Almeida, 43 anos.

Queremos e podemos ajudar a Brenda! Estamos com uma vaquinha aberta para levar apoio financeiro para a família. Você pode doar através da chave PIX brenda-barraca@sovaquinhaboa,com.br ou por cartão de crédito e boleto, em nossa plataforma.

Laurinha pede ajuda para tratamento - Foto: arquivo pessoal

Laurinha pedia ajuda para tratamento – Foto: arquivo pessoal

Laurinha segue em tratamento - Foto: arquivo pessoal

Laurinha segue em tratamento – Foto: arquivo pessoal

Só Notícia Boa
Read More

LIVE OFFLINE
track image
Loading...